quinta-feira, 29 de março de 2012

Projeto "Cinco formas de conhecer o mundo através dos cinco sentidos"

No mês de março a Educativa está desenvolvendo o projeto “Cinco formas de conhecer o mundo através dos cinco sentidos”. O curioso deste projeto é que compreende atividades idealizadas e adequadas  para estimular  todos os alunos da escola, ou seja,  crianças de 4 meses a 5 anos de idade, matriculadas nas turmas de Berçário I e II, Maternal I e II, Jardim e Pré-Escolar.


As crianças do Berçário fase I, auxiliadas pelas berçaristas Suzana e Isabel, tiveram contato com diversas texturas: sentiram o mole do gel, o macio do algodão o áspero da lixa e a dureza das bolinhas de gude. Tudo isto, é claro, com muita segurança, estando os materiais protegidos em sacos plásticos. Além de experimentarem as diferentes texturas, aguçamos a curiosidade colocando os materiais dentro de uma caixa surpresa.
 

Já no Berçário II, as berçaristas Wivian, Flávia e Monielle realizaram esta atividade fazendo com que os pequeninos compreendessem que podemos sentir diferentes texturas não somente com as mãos, mas também em outras partes do corpo, inclusive nos pés.
Para tanto, elas confeccionaram um tapete de sensações.
Inicialmente, sem poder ver, as crianças sentiram a textura de cada componente do tapete e perceberam o áspero da lixa, a forma do macarrão e do feijão, assim como o macio do algodão e do plástico bolha.
Depois de passarem por essas sensações, confeccionaram um tapete com esses elementos e ao caminhar sobre o mesmo puderam constatar as mesmas sensações através dos pezinhos.



No Maternal I, a proposta desenvolvida pelas professoras Andressa e Karen objetivou a familiarização com a imagem do próprio corpo, explorando seus  movimentos e gestos, propiciando um amplo desenvolvimento de aspectos específicos da motricidade por meio de movimentos realizado com o acompanhamento de música “cabeça, ombro, joelho e pé”.
Em seguida, um representante eleito pela turma deitou-se em uma grande folha de papel para que se pudesse desenhar o contorno do corpo e em seguida os colegas completaram as partes faltantes.
Veja a representação da música “Cabeça, ombro, joelho e pé”.

 







             











 Já no Maternal II, com o intuito de demonstrar a importância da visão e utilizar a percepção tátil, a professora Andréa realizou uma atividade bem interessante: Utilizando as mãos e com os olhos vendados, as crianças perceberam e descobriram o formato de diferentes figuras feitas com alfinetes espetados e colados no isopor.
 







Como forma de apresentar parte desta atividade para os pais, na recepção da escola foram montados cartazes com uma foto de um olho de cada aluno da turma e os pais foram desafiados a reconhecerem o olhar do seu filho entre tantos que ali estavam expostos.
 


A turma do Jardim manhã acompanhada pela professora Viviane relembrou a importância de uma alimentação saudável destacando os benefícios das verduras e legumes. Aprenderam a parlenda “salada/saladinha” e em seguida criaram o próprio prato de salada com massinha de modelar, mostrando através da arte os alimentos que conheceram e com isso desenvolveu-se as  habilidades motoras, a percepção e o tato.

 

Já a turma do Jardim tarde juntamente com a professora Verônica, desenvolveram vários conceitos dentro de uma mesma aula. Iniciaram com uma apresentação do alface e suas vitaminas A e C que são, respectivamente, importantes para a visão e fortalecimento da pele e músculos.
Ao fazerem o plantio desta leguminosa precisaram trabalhar em equipe, respeitando a vez do amigo e reconhecendo a importância dele para o trabalho.
Estimularam o tato no contato com a terra, sentindo sua textura e conversaram sobre o que as plantas necessitam para crescer, concluindo que será necessário todos os dias ter o cuidado de regar com água.
Finalizaram a aula com um vídeo animado sobre o crescimento de uma planta.
 



 
A professora Verônica auxiliou a turma do Pré escolar ir às compras numa divertida feira!
Em contato com frutas, legumes e verduras as crianças aguçaram todos os sentidos, percebendo a textura das frutas, o cheiro e o sabor. Além do desenvolvimento dos sentidos foi possível ampliar o vocabulário e o  raciocínio lógico matemático respectivamente ao identificar os nomes dos hortifrutis, os valores dos itens, o valor pago e o  troco a ser devolvido.                                      








A Educativa tem por praxe interligar os trabalhos feitos em sala de aula com as atividades de recreação, utilizando o lúdico e as brincadeiras para reforçar o aprendizado feito em sala. 


Com isso a recreacionista Vera reforçou a importância da visão ao vedar os olhos das crianças e brincar, estimulando o tato e o reconhecimento do corpo como instrumento capaz de se readaptar.








As recreacionistas Karen e Karla, por sua vez, desenvolveram a sensibilidade tátil através do toque com diferentes alimentos e aproveitaram para relacionar os cuidados com a natureza com o cultivo de alimentos. Por fim concretizaram a atividade dando ênfase às características da cenoura e após conheceram o formato, cor, e gosto, plantaram-na na horta para acompanhar seu desenvolvimento.

 





3 comentários:

  1. Parabéns a todos pelo excelente trabalho e pelo ótimo projeto. Adorei o formato da postagem.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns a escola, gostei muito de poder acompanhar pelo blog um pouco mais das atividades, me sentindo mais proxima, quase participando da atividade junto com eles!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns!!! Excelente trabalho. É muito bom poder participar ainda mais do dia a dia das crianças. Sucesso!!! Beijos, Fabiana.

    ResponderExcluir